*(LITERATURA CLANDESTINA REVOLUCIONÁRIA)*MICHEL FOUCAULT LIBERTE-ME.

VC LEU MICHEL FOUCAULT,NÃO?ENTÃO O QUE VC ESTÁ ESPERANDO FILHO DA PUTA?ELE É A CHAVE DA EVOLUÇÃO DOS HUMANOS.HISTORIA DA LOUCURA,NASCIMENTO DA CLINICA,AS PALAVRAS E AS COISAS,ARQUEOLOGIA DO SABER,A ORDEM DO DISCURSO,EU PIERRE RIVIÉRE,A VERDADE E AS FORMAS JURÍDICAS,VIGIAR E PUNIR,HISTORIA DA SEXUALIDADE,EM DEFESA DA SOCIEDADE,OS ANORMAIS...EVOLUÇÃO OU MORTE!

Friday, February 09, 2007

zé povinho,num país onde não tem blibliotecas o povo so pode tomar no cu mesmo.foda-se esses fascistas que mentem pro povo.



Raros foram os povos que conseguiram criar um símbolo caricatural, como síntese da sua imagem. Temos o John Bull, o Tio Sam e o Zé Povinho. Enquanto a Inglaterra ou os Estados Unidos criaram uma imagem de Nação, nós criamos a imagem de um povo, de um Zé Ninguém, porque o ser ninguém é ser tudo.O Zé é a criação de uma tipologia-povo que Raphael Bordalo Pinheiro desenvolveu e sintetizou num "boneco". A força deste boneco foi tal que, de imediato, ganhou foros de nacionalidade, e foi utilizado por todos os artistas, até aos nossos dias. Rural deslocado, Zé Povinho assume uma situação ambígua, que é a da real sociedade portuguesa do libero-capitalismo que dificilmente marca posições urbanas, por pobreza endémica, e despreza o campo de onde essa pobreza lhe vem.

0 Comments:

Post a Comment

Links to this post:

Create a Link

<< Home