*(LITERATURA CLANDESTINA REVOLUCIONÁRIA)*MICHEL FOUCAULT LIBERTE-ME.

VC LEU MICHEL FOUCAULT,NÃO?ENTÃO O QUE VC ESTÁ ESPERANDO FILHO DA PUTA?ELE É A CHAVE DA EVOLUÇÃO DOS HUMANOS.HISTORIA DA LOUCURA,NASCIMENTO DA CLINICA,AS PALAVRAS E AS COISAS,ARQUEOLOGIA DO SABER,A ORDEM DO DISCURSO,EU PIERRE RIVIÉRE,A VERDADE E AS FORMAS JURÍDICAS,VIGIAR E PUNIR,HISTORIA DA SEXUALIDADE,EM DEFESA DA SOCIEDADE,OS ANORMAIS...EVOLUÇÃO OU MORTE!

Saturday, January 26, 2008

Condoleezza Rice na Colômbia.é claro que o império que derrubar o mercosul.26/01/08 brasil tem que ficar ligado..

Chávez acusa Uribe de incitar guerra a mando dos EUA:A declaração foi feita durante uma entrevista coletiva no Palácio de Miraflores, sede do governo, onde Chávez recebeu o presidente Nicarágua, Daniel Ortega. O que motivou a denúncia foi a pergunta de uma jornalista da TV Telesur. A repórter questionou Chávez sobre as declarações feitas horas antes pelo chanceler colombiano, Fernando Araújo, segundo quem os dois países "mantêm uma comunicação" para que as relações "regressem a seu curso normal".
"Lamentavelmente, tudo indica que (as relações) continuarão se deteriorando, porque as agressões são infinitas e diárias contra a Venezuela”, previu o presidente venezuelano, acusando Uribe de “mentiras, intrigas, patranhas, ameaças”. Segundo Chávez, não foi à toa que três altos funcionários americanos — entre eles a secretária de Estado, Condoleezza Rice — visitaram a Colômbia apenas nos últimos dias.“Temos informações da inteligência, da nossa e da de outros países da América Latina, sobre o plano”, detalhou. “A visita de Rice não é casual, nem a do chamado 'czar da droga' (John Walters, o chefe do departamento antidrogas dos Estados Unidos) nem a do comandante militar americano (chefe do Estado-Maior Conjunto dos Estados Unidos, o almirante Michael Mullen) — três altíssimos funcionários em uma semana".
Chávez frisou que a Colômbia se transformou num "porta-aviões" a partir do qual os Estados Unidos preparam um ataque à Venezuela e a seu governo. "Uribe é um peão de Washington", disse Chávez, que acrescentou: “O atual governo colombiano sequer pode ir à missa", porque "é um governo de guerra"."Alerto ao mundo que está sendo preparada uma agressão militar, a partir da Colômbia — mas que é dos Estados Unidos, contra a Venezuela. É parte da Operação Balboa, que é como é chamada a operação contra a Venezuela", reiterou o governante venezuelano. “É preciso dizer a Uribe que amarre os seus loucos, porque, sendo um peão dos Estados Unidos, ele será o responsável pelo que acontecer, porque se prestou a isso."

Chávez voltou a prometer retaliações comerciais a Colômbia, que tem no país vizinho seu segundo maior parceiro comercial, atrás apenas dos Estados Unidos. "Vamos comprar da Nicarágua tudo o que pudermos. E da Argentina, do Brasil e de Cuba, (compraremos) muitas coisas que trazíamos da Colômbia."A promessa foi ainda mais específica. Chávez assegurou que o comércio bilateral entre os dois países — que no ano passado chegou a US$ 6 bilhões — deve despencar para US$ 100 milhões em 2008. No início deste mês, o venezuelano já reduziu drasticamente a cota de veículos importados da Colômbia.Ainda na coletiva, Chávez anunciou o congelamento de projetos energéticos bilaterais, que incluíam a ampliação de um gasoduto transnacional inaugurado no ano passado. Em dezembro, o governo venezuelano entregou uma lista de cerca de 80 produtos ao Brasil para serem importados em caráter de urgência, durante visita do presidente Luiz Inácio Lula da Silva a Caracas.Após ouvir Chávez, Daniel Ortega disse que compartilhava das opiniões e que as ameaças denunciadas pelo venezuelano não eram só contra a revolução bolivariana — mas contra a América Latina. “Espero que as pessoas mais sensatas em volta de Uribe se dêem conta de que isso levaria a uma enorme catástrofe, que alcançaria a ele e a oligarquia por trás dele, já que conduziria à quebra e ao colapso econômico."
Venezuela's Bolivarian revolution
http://br.youtube.com/watch?v=eO5jxyRtxTQ

0 Comments:

Post a Comment

Links to this post:

Create a Link

<< Home